‘Batman Rebirth #1’ marca o início de uma nova fase [Crítica]

“Batman Rebirth #1” marca a transição entre a fase N52 do personagem e a fase Rebirth. Saem Scott Snyder e Greg Capullo, aclamados pelos fãs, e entram Tom King e Mikel Janin. A história é simples e de rápida leitura, não se preocupando em ser grandiosa, mas sim em conectar o que havia sido criado até aqui e abrir as portas para que os novos artistas possam desenvolver seus próprios arcos.

batman-rebirth2-12596.jpg

O ponto mais interessante da revista é o aproveitamento do subutilizado Homem-Calendário como antagonista. O personagem foi reinventado nessa nova continuidade, agora seu corpo envelhece de acordo com as estações, sempre renascendo nas primaveras em um novo corpo, mas mantendo as memórias dos anteriores. Essa alteração de suas origens pode ter sido causada pelo Dr. Mahattan, mas é muito cedo para sabermos com certeza. Embora aqui o Homem-Calendário tenha sido mostrado rapidamente, pode-se esperar que ele dê dor de cabeça para o Homem Morcego.

Outro ponto intrigante da HQ é o papel que Duke Thomas, um rapaz que teve os pais escrotizados pelo Coringa, desempenhará nas novas revistas do Batman. Diferente do que se teorizava, ele não será um novo Robin, mas algo a mais. Batman lhe oferece um uniforme amarelo e preto com um simbolo de morcego no peito e diz que “está pensando em algo novo”. O codinome de Duke ainda não foi revelado, mas o começo de sua parceria com o Batman já é explorada, mesmo que superficialmente, nessa edição. O mais inusitado é ver que Duke e Batman combatem o plano do Homem-Calendário como iguais, coisa que não se vê muito nas revistas solo do Batman.

batman-rebirth1-8ba53.jpg

Mikel Janin faz um excelente trabalho com o traço leve da revista e June Chung a completa com muitas cores, mas sempre puxando para uma escala mais escura.

Pode-se ver claramente na HQ uma mudança na personalidade do Batman, ele reflete bem a ideologia de Rebirth, sendo menos soturno e mais aberto ao trabalho em equipe. A revista é apenas uma introdução, mas algo grandioso está por vir!


Conheça nossa página no Facebook clicando aqui! 😀


Procurando produtos da DC? Clique na imagem abaixo e seja feliz!

4291135-justice_league__dc_new_52__art_print_by_jim_lee__alex_sinclair___scott_williams-will-justice-league-happen-1-dccu-to-be-new-52

Anúncios

2 pensamentos sobre “‘Batman Rebirth #1’ marca o início de uma nova fase [Crítica]

  1. Pingback: Esperança e otimismo em ‘Superman Rebirth #1’ | Soco Foguete

  2. Pingback: [REBIRTH] Em sua primeira HQ Batman Rebirth chega com grandes novidades

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s